Dicionário da Saúde | Por: Eurofarma Laboratórios

Infarto do miocárdio


Infarto do miocárdio é causado pela falta de oxigenação e de fluxo sanguíneo no miocárdio (músculo cardíaco), devido à obstrução da artéria coronária, fazendo com que o músculo seja danificado ou morra. O infarto agudo do miocárdio pode ser fatal.

Causas
O infarto ocorre quando há um bloqueio do fluxo sanguíneo levado ao coração, devido à obstrução da(s) artéria(s). Essa obstrução é causada por coágulos sanguíneos formados por cima da placa de gordura. Espasmos da artéria coronariana também podem causar infartos.

Sintomas
Dor no peito e/ou “agulhadas”, sudorese, náuseas, vômito, fraqueza intensa, falta de ar, sonolência, tontura, fadiga, sensação de ansiedade e palpitações.

Diagnóstico
Os sintomas clínicos do paciente levam o médico a concluir que está sofrendo um infarto do miocárdio. Também poderão ser realizados exames como o sangue, eletrocardiograma, ecocardiograma e cateterização coronariana.

Prevenção
O uso de medicamentos pode diminuir o risco de sofrer um infarto e os hábitos de vida influenciam diretamente a saúde do coração. Não fume, controle sua pressão arterial, faça exercícios físicos e check-ups regularmente, evite consumo de álcool, controle o diabetes e o estresse e tenha uma alimentação saudável.

Tratamento
O tratamento do infarto do miocárdio dependerá da gravidade do caso. O paciente pode ser tratado com medicamentos, procedimentos invasivos ou ambos.