A Hiperplasia Prostática Benigna (HPB) ocorre especialmente em homens com mais de 50 anos. Os principais sintomas são¹:

  • Aumento da frequência urinária (diurna e/ou noturna);
  • Hesitação e urgência urinária;
  • Jato urinário fraco;
  • Interrupções no fluxo da urina;
  • Necessidade de esforço para urinar;
  • Não conseguir esvaziar completamente a bexiga;
  • Retenção urinária.

O manejo de cada caso dependerá do tipo de sintoma predominante, dos achados clínicos e dos resultados dos exames complementares. Como o próprio nome sugere, é um problema benigno, sem relação comprovada com o câncer de próstata. Porém, se não tratado, pode causar retenção urinária aguda, infecções recorrentes do trato urinário, hidronefrose (interrupção no funcionamento dos rins causado por obstrução no fluxo de urina) e até mesmo insuficiência renal¹.

 

Como detectar²

Assim que o paciente identificar os principais sintomas é importante procurar o médico urologista. Provavelmente, o médico vai realizar o exame digital da próstata, que ajudará a descartar a possibilidade de neoplasia e irá estimar o volume prostático, que é determinante para a escolha do tratamento. Recomenda-se também a realização de exame de urina, além de creatinina e PSA séricos, para todos os pacientes com os sintomas descritos. A ultrassonografia é um outro exame complementar que pode ser utilizado para medir o volume total da próstata e para avaliar a progressão da HPB.

 

Tratamento³

Homens com poucos sintomas não necessitam de tratamento, mas precisam ser acompanhados com toques retais e determinações periódicas. Aqueles com sintomas mais intensos (dor, sangue na urina, infecções frequentes) devem conversar com o médico para avaliar as vantagens e desvantagens do tratamento.

Os medicamentos costumam ser a primeira opção como recurso terapêutico, mas se não surtir efeito, o médico pode recorrer a cirurgia, realizada através da uretra ou pode-se optar pelo uso de laser.

 

Fontes:
1- CUNNINGHAM Glenn R; KADMON, Dov. Clinical manifestations and diagnostic evaluation of benign prostatic hyperplasia. last updated: Nov 01, 2019. Disponível em: http://www.uptodate.com/contents/clinical-manifestations-and-diagnostic-evaluation-of-benign-prostatic-hyperplasia. Último acesso em 31 de março de 2020.
2- Como diagnosticar e tratar pacientes com hiperplasia prostática benigna no âmbito da atenção primária à saúde? – Portal BVS APS Atenção Primária à Saúde – Iniciativa do Ministério da Saúde e BIREME/OPAS/OMS. Disponível em https://pesquisa.bvsalud.org/aps/resource/pt/sof-23626. Último acesso em 31 de março de 2020.
3- Doenças e sintomas: Hiperplasia de próstata – Portal Drauzio Varella. Disponível em https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/hiperplasia-de-prostata/. Último acesso em 31 de março de 2020.