A labirintite é causada pela inflamação do labirinto, que é um órgão localizado dentro da orelha, responsável pelo equilíbrio e audição. Ela provoca uma tontura de forte intensidade, que pode vir acompanhada de náusea e vômito, pressão no ouvido ou zumbido¹.

Quando inflamado, o labirinto manda informações alteradas para o cérebro, ocasionando tonturas ou sensação de que a pessoa está em movimento quando está parada. Em casos mais leves, o próprio organismo combate essa condição em alguns dias². A labirintite pode ocorrer por conta de uma infecção viral comum, como resfriado ou gripe, mas também pode ter outras origens, como problemas do próprio labirinto, a exemplo das otites, neuronites e doença de Cogan²,¹.

O diagnóstico é feito por um exame clínico/neurológico, com base no tipo de tontura, duração, frequência e intensidade, além de outros sintomas que o paciente possa estar desenvolvendo¹. Em pessoas cuja frequência de vertigens é alta, o diagnóstico é estabelecido com base no exame otoneurológico que tem como objetivo avaliar o funcionamento do sistema vestibular e auditivo, verificar simetria e quantificar as respostas de cada labirinto registradas por eletrodos conectados ao computador. O tratamento é sempre baseado na causa da tontura, com orientações dietéticas, fisioterapia focada no equilíbrio, medicamentos e, dependendo do caso, cirurgia¹.

Existem algumas dicas que podem ajudar a aliviar os sintomas³:

  • Em caso de muita tontura, ficar quieto em um ambiente escuro;
  • Beber bastante água;
  • Evitar ruídos e luzes brilhantes;
  • Dormir no mínimo 8 horas por dia;
  • Sair para caminhadas (tenha alguém para acompanhar nos primeiros dias, até se sentir confiante para fazer sozinho);
  • Em movimento, mantenha os olhos focados em um objeto fixo;
  • Se sentir tontura, não dirija, ande de bicicleta ou manuseie máquinas e ferramentas;
  • Não beba álcool.

 

Fontes:
1- Você sabe o que é labirintite? – Ministério da Saúde Brasil. Disponível em: http://www.blog.saude.gov.br/index.php/promocao-da-saude/53955-voce-sabe-o-que-e-labirintite. Último acesso em 13 de julho de 2020.
2- Quais são as causas da labirintite? Quais os cuidados que devemos orientar aos pacientes? – BVS Atenção Primária em Saúde. Disponível em: https://aps.bvs.br/aps/quais-sao-as-causas-da-labirintite-quais-os-cuidados-que-devemos-orientar-aos-pacientes/. Último acesso em 13 de julho de 2020.
3- Labyrinthitis and vestibular neuritis – National Health Service UK. Disponível em: https://www.nhs.uk/conditions/labyrinthitis/. Último acesso em 13 de julho de 2020.