São Paulo, 4 de março de 2008 – O novo Complexo Industrial da Eurofarma, em Itapevi (SP), será palco de uma dupla comemoração amanhã, dia 5 de março. Ao mesmo tempo em que inaugurará o bloco VI, inteiramente dedicado à produção de medicamentos hormonais, como os primeiros contraceptivos orais genéricos do mercado brasileiro, a empresa, terceira maior grupo farmacêutico nacional, também comemorará o primeiro ano de atividades do Complexo.

“É com muita alegria que inauguramos este importante bloco de hormonais e comemoramos o primeiro ano de atividades do novo Complexo. Com ele, a Eurofarma espera suprir suas necessidades atuais e futuras de crescimento, contemplando não só o avanço no mercado brasileiro, mas também a expansão internacional da empresa”, declara a Diretora de Assuntos Institucionais, Maria Del Pilar Muñoz.

Com grande expertise na área hormonal, a Eurofarma é a terceira maior fabricante de contraceptivos do Brasil e conta na sua linha de prescrição com medicamentos de amplo conhecimento da classe médica como Selene, Tâmisa e Primera. Além disso, a empresa foi pioneira, quando lançou em dezembro de 2.007 os primeiros contraceptivos genéricos orais na associação de Desogestrel + Etinilestradiol em 2 dosagens, cujos medicamentos de referência são Microdiol® e Mercilon®, ambos da multinacional Organon. A Eurofarma aposta neste e em outros segmentos de mercado, prevê um crescimento de aproximadamente 15% para este ano e um volume de lançamentos expressivo.

Novo Complexo Industrial

Com o Complexo Industrial de Itapevi, a Eurofarma deve multiplicar em algumas vezes sua capacidade atual de produção e um dos desafios da planta é a obtenção das certificações internacionais como o Food and Drug Administration (FDA) e a The European Agency for the Evaluation of Medical Products (EMEA). Ao todo serão aproximadamente 70 mil metros quadrados de área construída com um investimento total previsto de R$ 280 milhões, 35% deste valor financiado pelo BNDES.

O Complexo de Itapevi conta com as mais modernas instalações técnicas e novos conceitos de qualidade e de cuidados com o meio-ambiente. O projeto conta com blocos e edificações com vista panorâmica para o entorno natural, buscando mais qualidade de vida e humanização das áreas industriais.

Em março de 2007, foi inaugurado o primeiro bloco farmacêutico, que abriga as formas de semisólidos, líquidos, algumas linhas de embalagem e, no futuro, produzirá também produtos de higiene e beleza. Quando as obras de todas as edificações do Complexo forem concluídas, Itapevi deverá concentrar as principais atividades das Unidades Industriais da Eurofarma. Além do novo Complexo, a Eurofarma conta com mais cinco unidades fabris (Interlagos I, Campo Belo, Freguesia do Ó, Interlagos II e Rio de Janeiro). A transferência das plantas fabris é um processo estratégico e não deverá interferir nos estoques da empresa e atendimento ao mercado.